Rebeldes sírios têm ajuda de inteligência alemã, diz jornal

A Alemanha está fornecendo aos rebeldes sírios informações colhidas por uma embarcação militar situada perto da região costeira da Síria, publicou um jornal alemão neste domingo, sem citar as fontes.

Reuters

19 de agosto de 2012 | 15h18

O jornal Bild am Sonntag afirmou que o barco teria equipamento de espionagem do serviço de inteligência da Alemanha, o que permitiria o monitoramento das movimentações das tropas sírias.

As informações sobre operações militares do governo sírio são passadas aos Estados Unidos e ao Reino Unido, que as repassam aos rebeldes sírios, segundo o jornal.

Um porta-voz do Ministério da Defesa alemão afirmou que um navio equipado com tecnologia de espionagem, que normalmente patrulha o leste do Mediterrâneo, estava na Sardenha.

O governo alemão disse que não falaria sobre atividades de inteligência, e o serviço secreto não se pronunciou.

Não houve também comentários de Londres e de Washington.

(Reportagem por Axel Hansen; reportagem adicional por Karolin Schaps, em Londres)

Tudo o que sabemos sobre:
SIRIAALEMANHAINTELIGENCIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.