Reforço dos EUA no Afeganistão estará pronto em meados de 2009

Os 17 mil militares adicionais a serem enviados ao Afeganistão por ordem do presidente dos EUA, Barack Obama, estarão em condições operacionais antes da eleição presidencial afegã de agosto, disseram na quarta-feira os comandantes das forças da Otan e dos EUA no país. "Usarei a maior parte dessas forças no sul do Afeganistão, uma área onde não temos uma presença de segurança suficiente", disse o general norte-americano David McKiernan em entrevista coletiva. (Reportagem de Paul Eckert e Andrew Gray)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.