Sobe para 22 número de mortos em atentado no Iraque

Número de feridos pela explosão de um carro-bomba foi a 75, 20 deles em estado considerado grave

EFE

09 de agosto de 2008 | 04h09

O número de mortos pela explosão na sexta-feira de um carro-bomba perto da cidade de Tal Afar, no norte do Iraque, subiu para 22 e poderia aumentar ainda mais nas próximas horas, disseram fontes policiais. Também subiu para 75 o número de feridos, 20 dos quais estão em estado grave, segundo as fontes. Porta-vozes policiais tinham informado na sexta-feira que o ataque, perpetrado em um mercado da aldeia de Al Alou, perto de Tal Afar e a cerca de 370 quilômetros de Bagdá, tinha causado a morte de 18 pessoas e ferimentos em outras 25. Os feridos, entre eles crianças e mulheres, foram transferidos para hospitais da cidade curda iraquiana de Dohuk. Imediatamente após o atentado, tropas iraquianas e americanas isolaram a região e impuseram extremas medidas de segurança para impedir que se possa produzir uma nova explosão nos arredores, aproveitando o caos reinante. A cidade de Tal Afar e a província de Nínive, onde fica esta localidade, são consideradas como um dos principais fortificações da rede terrorista Al Qaeda, apesar da campanha militar que o exército iraquiano lançou em maio nesta província.

Tudo o que sabemos sobre:
IraqueatentadoBagdá

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.