Suicida detona explosivos em mesquita no Iraque e mata 10

Ataque feriu outras 11 pessoas durante a oração da noite na mesquita Raquib

Efe,

28 de agosto de 2007 | 04h55

Um suicida detonou uma carga explosiva dentro de uma mesquita na cidade sunita de Falujah no oeste do Iraque, informaram nesta terça-feira, 28, fontes policiais. Pelo menos 10 pessoas morreram e 11 ficaram feridas. O ataque ocorreu na noite da segunda-feira, 27. O suicida usava um cinto de explosivos que detonou quando os fiéis rezavam a oração da noite na mesquita Raquib, reportaram as fontes. O imame da mesquita, Abdelsatar al-Jumeili, dois de seus filhos e sete fiéis morreram. A explosão também danificou a estrutura do templo. Falujah era até o ano passado um dos principais focos da violência dos insurgentes sunitas ligados à rede terrorista Al-Qaeda no Iraque. O número de massacres foi reduzido em função de uma aliança entre tribos da província de al-Anbar.

Tudo o que sabemos sobre:
ataque contra mesquitaIraque

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.