Ed Andrieski/AP
Ed Andrieski/AP

Suspeito de terrorismo se declara culpado nos EUA

Najibullah Zazi confessou fornecer material a Al-Qaeda e admitiu tentativa de atentado a bomba em NY

Associated Press,

22 de fevereiro de 2010 | 17h45

O suspeito de terrorismo Najibullah Zazi se declarou culpado nesta segunda-feira, 21, ante uma corte federal norte-americana por ter ligações com Al-Qaeda e por conspirar para armar um atentado a bomba em Nova York.

 

O imigrante afegão de 25 anos confessou três crimes: conspiração para usar de destruição em massa, conspiração para cometer um assassinato em um país estrangeiro e fornecimento de material de apoio a rede extremista Al Qaeda.

 

Zazi foi preso no fim do ano passado depois de despertar a suspeita de autoridades por atravessar os Estados Unidos da cidade de Denver a Nova York em uma data próxima do aniversário dos ataques de 11 de setembro. Ele enfrentará prisão perpétua devido aos crimes dos quais assumiu a culpa.

 

Oficiais disseram que ele recebeu treinamento da Al-Qaeda no Paquistão, comprou produtos de beleza no Colorado e tentou usá-los para fazer uma bomba caseira em um quarto de hotel.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.