Taleban anuncia novos ataques contra estrangeiros no Afeganistão

Principais alvos da operação seriam americanos e membros da Otan que se encontram no país

EFE

08 Maio 2010 | 13h28

CABUL - Os taleban afegãos anunciaram neste sábado, 8, uma nova campanha de ataques contra as tropas internacionais e outros estrangeiros a partir da segunda-feira no Afeganistão, de acordo com um comunicado emitido pela milícia fundamentalista.

 

"O emirado islâmico anuncia sua operação de primavera, denominada "vitória" contra os americanos, os membros da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) e seus subordinados", afirmaram os insurgentes em nota.

 

Segundo os taleban, a operação incluirá táticas de guerrilhas e suicidas, operações nas cidades, bloqueios de estradas e centros militares, uso de minas e bombas, assassinatos de funcionários e detenções de "invasores".

 

As milícias ameaçaram, entre outras categorias, os militares americanos e os da Otan, os conselheiros estrangeiros, "espiões que posam de diplomatas", membros do Governo de Hamid Karzai, parlamentares e altos funcionários afegãos.

 

Também serão alvo de ataques as companhias logísticas e envolvidas nas tarefas de reconstrução, e "todos os que apoiem ou trabalhem pelo fortalecimento do domínio estrangeiro".

 

"O emirado islâmico pede de novo a retirada imediata e incondicional de todas as forças invasoras. Considera a jihad como o único meio para esse fim", afirmaram os insurgentes na nota.

Mais conteúdo sobre:
Afeganistão Taleban Otan

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.