Taleban diz que matou reféns alemães seqüestrados na quarta

Execução teria ocorrido após o fim do prazo para que a Alemanha retirasse suas tropas do Afeganistão

Efe e Reuters,

21 Julho 2007 | 09h24

Os cinco afegãos seqüestrados junto com engenheiros alemães foram executados neste sábado, 21, pelos taleban, afirmou o grupo insurgente em comunicado divulgado em seu site.   A execução ocorreu depois que venceu o prazo fixado por eles para que a Alemanha retirasse suas tropas do Afeganistão e o governo local libertasse todos os prisioneiros do movimento.   Entre os mortos estaria o irmão do ex-ministro afegão de Assuntos Tribais Arif Khan Noorza.   Antes da publicação deste comunicado, os taleban tinham anunciado a execução dos dois cidadãos alemães seqüestrados na quarta-feira passada no Afeganistão.  O Ministério das Relações Exteriores da Alemanha, por sua vez, declarou que não havia recebido nenhuma informação independente sobre a morte dos reféns.

Mais conteúdo sobre:
MUNDO AFEGANISTAO TALIBAN ALEMAES

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.