Toda a Líbia estará liberada em 72 horas, diz enviado da ONU

O complexo Bab al-Aziziya do líder da Líbia, Muammar Gaddafi, está agora totalmente nas mãos dos combatentes rebeldes e o país estará liberado dentro de 72 horas, afirmou o enviado da Organização das Nações Unidas Ibrahim Dabbashi, nesta terça-feira.

REUTERS

23 de agosto de 2011 | 13h45

O complexo de Gaddafi está "totalmente nas mãos dos revolucionários", disse Dabbashi, que apoia o movimento rebelde.

Tudo o que sabemos sobre:
LIBIALIBERADAHORAS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.