Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Tropas britânicas começam transferência de Basra ao Iraque

Província iraquiana é a quarta do país que o Exército do Reino Unido cede o controle

Efe,

16 de dezembro de 2007 | 10h30

A cerimônia na qual as tropas britânicas passarão oficialmente o controle da província iraquiana de Basra, no sul do Iraque, às forças de segurança iraquianas começou neste domingo, 16, na capital desta província. O ato teve a participação do conselheiro de Segurança Nacional iraquiano, Mouwafak al-Rubaie, e outros altos cargos do Exército e da polícia iraquiana, além dos comandantes britânicos. Em seu discurso, Rubaie - em representação do Executivo do primeiro-ministro Nouri al-Maliki - descreveu a transferência de poderes como "um grande evento no caminho da reconciliação nacional". "Tomemos este acontecimento como um incentivo para conseguir a reconciliação nacional. O ano que vem será testemunha de um grande salto na reconstrução desta província por seus filhos e suas pessoas", acrescentou. O governador de Basra, Mohammed al-Waeili, disse que neste domingo ocorre "o maior marco na história moderna da província" e advertiu que as forças iraquianas não tolerarão que ninguém tente menosprezar a estabilidade e a segurança na região. Segundo o acordo para a transferência do controle da segurança, as tropas britânicas transferirão suas forças na cidade de Basra, 550 quilômetros ao sul de Bagdá, para uma base aérea perto do aeroporto da capital, colocando fim a mais de quatro anos e meio de presença na província. Basra torna-se assim a quarta província na qual as tropas britânicas cedem o controle às forças iraquianas, depois de fazer o mesmo com Muthana, Dhiqar e Maysan.

Tudo o que sabemos sobre:
IraqueBasra

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.