UE deve fechar acordo sobre sanções ao Irã nesta segunda

União Européia atende pressão internacional e inicia debate sobre medidas contra o programa nuclear iraniano

REUTERS

23 de junho de 2008 | 07h28

A União Européia deve acertar uma nova rodada de sanções contra o Irã nesta segunda-feira, 23, atendendo aos pedidos internacionais para conter o programa nuclear iraniano, disse a Presidência eslovena do bloco. "Elas fazem parte da agenda a ser adotada hoje", disse uma autoridade da Presidência sobre um encontro de dois dias entre ministros da UE em Luxemburgo, a partir de segunda-feira. O bloco de 27 países ainda não detalhou as novas medidas, mas diplomatas da UE disseram que têm como alvo o setor financeiro e, principalmente, o maior banco iraniano, o Bank Melli, com congelamento de ativos e fundos. A aplicação de mais sanções contra o Irã foi incluída no cronograma dos ministros da União Européia como "um ponto", o que significa que sua adoção será pura formalidade. Os Estados Unidos e a União Européia entraram em acordo neste mês, afirmando que estão prontos para aplicar mais sanções e medidas para fazer com que os bancos iranianos não possam apoiar a proliferação e atividades terroristas. O Irã rejeita as suspeitas internacionais de que esteja produzindo uma bomba atômica e diz que busca o enriquecimento de urânio para a produção pacífica de energia.

Tudo o que sabemos sobre:
União EuropéiaIrã

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.