Registro de Crime Sexual do Estado de Nova York / AFP
Registro de Crime Sexual do Estado de Nova York / AFP

Bilionário americano Jeffrey Epstein é encontrado ferido na prisão

Acusado de abuso sexual de menores, ele estava semi-inconsciente e com marcas no pescoço; autoridades investigam se o empresário foi vítima de agressão ou trata-se de uma tentativa de suicídio

Redação, O Estado de S.Paulo

25 de julho de 2019 | 07h23

NOVA YORK, EUA - O bilionário americano Jeffrey Epstein, acusado de abuso sexual de menores, foi encontrado ferido em sua cela, segundo fontes citadas por vários meios de comunicação locais.

Epstein foi encontrado semi-inconsciente com marcas no pescoço. Acredita-se que as lesões não sejam graves. 

Os guardas penitenciários investigam se ele foi vítima de agressão ou trata-se de uma tentativa de suicídio.

O empresário teve seu pedido de liberdade sob fiança negado na semana passada. Ele é acusado de tráfico sexual infantil.

Se condenado, Epstein pode ser sentenciado a até 45 anos de prisão. Sua próxima audiência será no dia 31 de julho. / AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.