AFP Photo/Saul Loeb
AFP Photo/Saul Loeb

Kim aceita convite de Trump para visitar EUA

Líder norte-coreano também convidou presidente americano para visitar Pyongyang

O Estado de S.Paulo

12 Junho 2018 | 19h36

O líder norte-coreano, Kim Jong-un, convidou o presidente Donald Trump para ir a Pyongyang durante a histórica cúpula de Cingapura e também concordou em visitar os Estados Unidos, informou a KCNA, agência de notícias estatal norte-coreana, nesta quarta-feira (terça-feira em Brasília).

"Kim Jong-un convidou Trump para visitar Pyongyang em um momento conveniente, e Trump convidou Kim Jong-un para visitar os EUA", disse a KCNA. 

"Os dois principais líderes aceitaram o convite um do outro, convencidos de que isso serviria como mais uma ocasião importante para melhorar as relações entre a Coreia do Norte e os EUA", acrescentou o relatório, usando a abreviação oficial da Coreia do Norte.

Em entrevista coletiva realizada em Cingapura nesta terça-feira, após a histórica cúpula Trump anunciou que seu país irá interromper "seus jogos de guerra" na Península Coreana. Os dois se reuniram para discutir a desnuclearização da região, no primeiro encontro já realizado entre líderes dos dois países. Ao final da reunião, eles se sentaram em frente a jornalistas e assinaram um documento de cooperação. / AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.