AFP PHOTO / TONY KARUMBA
AFP PHOTO / TONY KARUMBA

Obama faz discurso comemorativo para centésimo aniversário de Mandela

Ex-presidente dos EUA visita o continente africano pela primeira vez desde que deixou o cargo; sua fala deve abordar questões como democracia e diversidade

O Estado de S.Paulo

17 Julho 2018 | 10h27

JOHANNESBURGO - O ex-presidente dos EUA Barack Obama faz nesta terça-feira, 17, seu mais importante discurso desde que deixou o cargo, instando o mundo a respeitar os direitos humanos e outros valores ameaçados. A fala é parte da comemoração do centésimo aniversário do líder anti-apartheid Nelson Mandela.

Apesar de não mencionar seu sucessor, Donald Trump, é esperado que o discurso de Obama na África do Sul contrarie muitas das políticas do atual presidente americano, em um esforço para manter vivas as ideias pelas quais Mandela trabalhou, incluindo democracia, diversidade e educação de qualidade para todos.

+ Em visita à cidade de seu pai no Quênia, Obama critica divisão étnica e prega reconciliação política

Cerca de 14 mil pessoas se reuniram em um estado de críquete na capital Johannesburgo, onde Obama falará. O americano será apresentado pelo presidente da África do Sul, Cyril Ramaphosa, e a viúva de Mandela, Graça Machel.

+ Rei da Espanha acompanha Obama em visita privada ao Museu Rainha Sofia

Esta é sua primeira visita ao continente africano desde que deixou a Casa Branca, no início de 2017. Na segunda-feira, ele esteve no Quênia, onde visitou o local de nascimento de seu pai e participou da inauguração de um centro esportivo com sua avó e uma meia-irmã. / AP

Mais conteúdo sobre:
Nelson Mandela Barack Obama

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.