REUTERS/Kim Kyung-Hoon
REUTERS/Kim Kyung-Hoon

TV pública japonesa alerta por engano para disparo de míssil norte-coreano

Em seu site, NHK recomendou que internautas buscassem refúgio 'no interior de prédios ou no metrô' em razão de aparente ataque de Pyongyang; no sábado, moradores do Haiti receberam notificação no celular de ataque com míssil intercontinental

O Estado de S.Paulo

16 Janeiro 2018 | 12h46

TÓQUIO - O canal da televisão pública japonesa NHK publicou por engano em seu site nesta terça-feira, 16, um alerta de que a Coreia do Norte havia disparado um míssil, com a recomendação que a população se refugiasse. Minutos depois, a emissora reconheceu seu erro.

EUA e aliados se reúnem no Canadá para discutir crise norte-coreana

Um alerta foi postado no site da NHK às 18h55 (7h55 de Brasília), indicando: "A Coreia do Norte aparentemente disparou um míssil. Busquem refúgio no interior de prédios ou no metrô". Cinco minutos depois, o canal anunciou que a notícia era falsa e pediu desculpas sem dar mais explicações.

O incidente ocorre poucos dias depois de um alerta similar ser disparado no Havaí. No sábado, milhares de moradores do Estado americano receberam notificações em seus celulares alertando para lançamento de míssil intercontinental.

O aviso, cuja mensagem ressaltada "não se tratar de um treinamento", foi atribuído a um erro humano e demorou cerca de 40 minutos para ser corrigido pelas autoridades.

No início de janeiro, no Japão, milhões de pessoas em Tóquio receberam um alerta angustiante em seus telefones, alertando-os de um poderoso tremor, uma informação falsa aparentemente causada por dois pequenos terremotos quase simultâneos. / AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.