Saul Loeb / AFP
Saul Loeb / AFP

Leia a íntegra do texto do acordo de cooperação assinado por Trump e Kim Jong-un

Líderes se comprometeram a unir ‘seus esforços para construir um regime de paz duradoura e estável na Península Coreana’

O Estado de S.Paulo

12 Junho 2018 | 09h37

CINGAPURA - O presidente dos EUA, Donald Trump, e o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, assinaram nesta terça-feira, 12, um documento comum no qual o dirigente norte-coreano se compromete com uma desnuclearização completa da Península Coreana. Leia a seguir a íntegra do texto do acordo.

+ Após encontro histórico, Trump e Kim Jong-un assinam documento de cooperação

+ Após cúpula histórica, Trump diz que interromperá ‘jogos de guerra’ na Península Coreana

+ Apertos de mão históricos que mudaram o mundo

O presidente Trump e o presidente Kim Jong-un mantiveram uma profunda, completa e sincera troca de pontos de vista sobre questões relativas ao estabelecimento de novas relações entre os Estados Unidos e a RPDC (República Popular Democrática da Coreia) e à construção de um regime de paz sólido e duradouro na Península Coreana.

+ The Economist: O terrível preço da cúpula

+ Cenário: A segurança da cidade-Estado

O presidente Trump se comprometeu a dar garantias à RPDC, e o presidente Kim Jong-un reafirmou seu firme e inquebrantável compromisso com a total desnuclearização da Península Coreana.

Convictos de que o estabelecimento de novas relações Estados Unidos-RPDC contribuirá para a paz e a prosperidade da Península Coreana e do mundo, e reconhecendo que o estabelecimento da confiança mútua pode promover a desnuclearização da Península Coreana, o presidente Trump e o presidente Kim Jong-un declaram:

1. Os Estados Unidos e a RPDC se comprometem a estabelecer novas relações entre os Estados Unidos e a Coreia do Norte, de acordo com o desejo de paz e de prosperidade dos povos dos dois países.

2. Os Estados Unidos e a RPDC unirão seus esforços para construir um regime de paz duradoura e estável na Península Coreana.

3. Reafirmando a Declaração de Panmunjom de 27 de abril de 2018 (publicada em uma cúpula intercoreana, N.R.), a RPDC se compromete a trabalhar para a desnuclearização completa da Península Coreana.

4. Os Estados Unidos e a RPRC se comprometem a recuperar os restos mortais de prisioneiros de guerra e desaparecidos em ação, incluindo a repatriação imediata daqueles já identificados.

Reconhecendo que a cúpula dos Estados Unidos/RPDC, a primeira deste tipo, é um evento marcante, que nesta data vira a página de décadas de tensão e de hostilidades entre os dois países e augura um novo futuro, o presidente Trump e o presidente Kim Jong-un se comprometem a implementar as disposições desta declaração conjunta de maneira incansável.

Os Estados Unidos e a RPDC se comprometeram a realizar negociações de acompanhamento, conduzidas pelo secretário de Estado, Mike Pompeo, e um homólogo de alto nível da Coreia do Norte, para implementar os resultados da cúpula dos Estados Unidos / RPDC.

O presidente Donald Trump e o presidente Kim Jong-un se comprometem a cooperar para o desenvolvimento de novas relações entre os Estados Unidos e a RPDC e a promoção da paz, da prosperidade. / AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.